Pages

quarta-feira, 7 de julho de 2010

ORGANIZAÇÃO

Nas aulas...

Sem concentração, não se aprende. Conversas sobre matérias estranhas e piadas fazem do aluno um fracasso. Os apontamentos são muito importantes. Não confie só na memória. Às vezes, uma palavra ou frase dita pelo professor é a chave para perceber todo a matéria.


Os trabalhos de casa...

Os trabalhos de casa são fundamentais. Ajudam a memorizar a matéria dada nas aulas. Alguns conselhos:

* faça, imediatamente, todos os exercícios, para praticar o que aprendeu na aula;
* tenha cuidado com a caligrafia e os números;
* use, de preferência, um lápis, para apagar os possíveis erros;
* utilize 25 a 30 minutos diariamente, para revisão das matérias dadas:

visualize, mentalmente, as explicações dadas nas aulas e associe-as com as anotações;
compare a matéria do dia com conteúdos anteriores;
passe a limpo, se necessário, algum conteúdo que não ficou apresentável;

São importantes alguns cuidados, quanto à apresentação e ao conteúdo dos trabalhos. Algumas sugestões:


Planeie o trabalho que pode obedecer à seguinte estrutura:

* Introdução: apresentação da(s) ideia(s) a desenvolver.
* Desenvolvimento: tópicos que fundamentam a ideia apresentada.
* Conclusão: resumo e apreciação crítica, quando necessário.


Estruture o trabalho:

* Capa (nome da escola, disciplina, título do trabalho, nome do autor, ano, número, turma e data).
* Índice (indicação das partes que constituem o trabalho e respectivas páginas).
* Introdução (indicação do tema do trabalho, justificação da opção feita e breve apresentação dos tópicos a abordar).
* Desenvolvimento (tratamento do tema e fundamentação de opiniões).
* Conclusão (resumo das ideias apresentadas ao longo do trabalho).
* Bibliografia (indicação das obras consultadas).


Estudar para os testes

Periodicamente, os professores marcam testes. Para muitos, é uma preocupação porque não sabem estudar. Para aprender a estudar tenha em atenção o seguinte:

* estudar exige calma e concentração, deve escolher um local sossegado e bem iluminado e eliminar todas as actividades incompatíveis com o estudo, como a televisão ou o leitor de CDs;
* elaborar um horário de estudo é outra medida a tomar. O plano de estudos é para respeitar, sem cedências. Às X horas sente-se numa cadeira, ponha um livro à frente e tente estudar (nada de se levantar de cinco em cinco minutos). Deve fazer-se um intervalo para recuperar forças mas sem se dispersar e perder a vontade de voltar ao estudo;
* deve evitar-se estudar muitas horas seguidas antes dos testes, porque, devido à falta de tempo e consequentes ansiedade e insegurança, começam as dificuldades de concentração e de memorização para organizar toda a informação estudada;
* 8 expulsar os pensamentos parasitas - silenciosos e mortíferos, que nos absorvem. Quando damos conta passou-se meia hora e estivemos em frente a um livro a fazer figura de estátua. Pode ser, um episódio que nos irritou e não conseguimos tirar da cabeça, uma discussão em que fizemos triste figura e agora estamos sempre a rever e a pensar no que dissemos e no que devíamos ter dito;
* ler com atenção, tentando compreender as mensagens e voltar atrás sempre que necessário. Não serve de nada ler por ler na esperança de que a coisa fique armazenada na memória, se não percebermos o que é dito. As ideias importantes estão muitas vezes escondidas no texto. A solução é sublinhá-las com caneta fluorescente ou outra que salte à vista.
* esquemas e resumos da matéria são verdadeiras tábuas de salvação. Ajudam a memorizar, a estruturar as respostas e a perceber o que é importante. Devem ser claros, curtos e bem estruturados. Imagine as perguntas que podem sair nos testes e tente responder-lhes.


No exame...

Um teste escrito põe à prova os conhecimentos. Descontraia-se e mostre confiança perante um teste. Quando estamos descontraídos, o cérebro tem um raciocínio mais claro e favorece-se a memória.
A maneira como se escreve e o que se escreve é muito importante. A clareza e a apresentação do teste são factores a considerar.

Leia com atenção a pergunta. Se não perceber, o melhor é esclarecer com o professor. Caso não consiga resolver uma questão na primeira tentativa pense noutra pergunta. Não perca muito tempo numa pergunta. Talvez a resolução das próximas questões seja uma inspiração para a resolução desta. Use o papel de rascunho para tentar resolver os problemas, mas não perca muito tempo com ele. Apresente os cálculos necessários. Não deixe os raciocínios na cabeça ou no rascunho. Reveja o teste antes de o entregar. O que escreveu é suficiente? Reserve tempo para melhorar as respostas.

12 comentários:

Ronaldo disse...

Não moro no Rio então não conheço a FAETEC mas gostei da sua iniciativa. Parabéns.

o meu blog é:
http://loukurasnaweb.blogspot.com (visita)

Inez disse...

Excelente texto. independente de onde o aluno estuda é preciso que se dedique aos estudos.
Assim como o atleta que só chega ao podium com muito treino o estudante que deseja ser um bom profissional e ter sucesso tem que se dedicar.

Fernando disse...

Uau!
Todas as dicas apresentadas são de sua autoria? Você as coletou por experiência própria?

Que bacana!
Muito mais bacana o compartilhamento: perfeito!

abs,
seuanonimo.blogspot.com

Plugaaki disse...

eu vou precisar disso.. hahahahhaa não agoraaa

Sandro Batista disse...

Gustavo,

Parabéns pela iniciativa e pela funcionalidade do blog. Com certeza a sua experiência servirá pra muita gente que pretende entrar na FAETEC. Aliás, acho que serve pra todos que vão iniciar algum curso de especialização, faculdade, de forma geral... Muito interessante...

to te seguindo

http://estacaoprimeiradosamba.blogspot.com/

Francorebel disse...

Parece que você valoriza os estudos e isso é bacana. Valeu!

Daniel Silva disse...

boas dicas, gustavo. e parabéns por ser estudioso. abraço!

DoGãO disse...

Parabéns pela iniciativa blog. MUITO BOM

soparagarotasblog disse...

Legal pelo blog...
eu ia fazer FAETEC o ano passado, mas houve imprecisto e tive ke me mudar no meio do ano pra Recife, pena ke aki naum tem FAETEC mas tem SENAI.
Consegui passar no Senai.
SENAI é uma escola de curso técnico ke nem FAETEC sendo ke FAETEC tem ensino médio e SENAI naum...

Lula fez SENAI ;D

Parabéns pelo blog
me siga

Twister disse...

manero meu, curti a sua ideia do blog

valews pelas dicas, e to seguindo :D

Adilson Jorge disse...

Muito legal a ideia do blog. Sobre o post: pena ter lido tudo isso só agora, depois que terminei a faculdade ... rs rs rs

Mas fica como lição para todo tipo de estudo e, como dizem, a gente nunca pode parar de estudar.

Abraços
http://www.ceucaindo.blogspot.com/

J P F O X disse...

Muito boa a sua iniciativa Gustavo. Acredito que tais dicas são importantíssimas para o sucesso em qualquer prova.
Até mais...

Postar um comentário